Centro de Recursos para a Empregabilidade

Estou em layoff

(ou Quero uma ocupação e desenvolver-me profissionalmente)

Estar numa situação de layoff é uma situação involuntária, algo que acontece quando o nosso trabalho não é compatível com uma alternativa de teletrabalho ou com as condições actuais da organização, e por isso existe uma suspensão do nosso contracto de trabalho. 

É provável que sinta um misto de emoções: por um lado, fica a sentir-se mais seguro em casa, possivelmente assim poderá passar mais tempo com a família, ou tem planos para descansar e aproveitar o tempo para fazer coisas de que gosta. Por outro lado, é natural que se sinta frustrado, aborrecido ou sem saber o que fazer para se sentir útil e ocupado.

O importante é, de facto, manter uma ocupação que lhe seja útil, seja porque é prazerosa e lhe dá sensação de bem-estar, seja porque contribui para que se desenvolva pessoal e profissionalmente.

Lazer e a importância no bem estar (e no desenvolvimento de competências)

Não pense que investir no seu lazer como forma de estar ocupado é de desprezar, pelo contrário, há muitas e boas formas de se manter ocupado que são boas para si. Por um lado, relaxar e divertir-se tem um impacto positivo no bem-estar físico e psicológico, por outro, muitas actividades que fazemos para descontrair acabam por contribuir também para nos irmos desenvolvendo.  

Arte e Criatividade: fazer desenhos, pinturas, moldes com plasticina ou barro, jogar “Pictionary”, compor música, escrever, inventar histórias, ler, construir “Legos”, …

Actividades em Família: jogar jogos de tabuleiro, brincar com as crianças, conversar, preparar em conjunto as refeições, fazer as limpezas em conjunto, verem todos o mesmo programa na televisão, …

Actividade Física: imitar uma aula de ginástica online, caminhar pela casa, fazer a “prancha”, exercitar os braços com garrafas de água de 1,5L, correr no mesmo sítio, saltar à corda, …

Convivência e Relações Sociais (à distância!): fazer videochamada com amigos e colegas do trabalho, conversar à janela com os vizinhos, escrever uma carta (como antigamente fazíamos) a familiares, planear surpresas para os aniversários de todos, …

Estes são apenas alguns exemplos. Pense no que gosta de fazer e a que habitualmente dedica pouco tempo pois tem a vida mais preenchida. Agora pode ser uma oportunidade para concretizar objectivos e ideias que tinha colocado de parte ou foi adiando.

Lembre-se que é importante ir diversificando o que faz ao longo do dia e que deve tentar não passar demasiado tempo em frente ao ecrã.

Desenvolvimento Profissional e Pessoal. MOOCs e outras formações à distância, estudo autónomo.

O desenvolvimento pessoal e profissional é alcançado através de acções que levem a que desenvolva as suas competências (sejam elas mais técnicas ou transversais, mais específicas ou generalistas).

Se estiver decidido a ocupar parte do seu tempo a investir no seu desenvolvimento pessoal e profissional, tem muitas alternativas ao seu dispor. Por exemplo, se no seu trabalho costuma ter de trabalhar com muita informação e utiliza o “Excel” para gerir os dados, talvez possa querer aprender mais sobre essa ferramenta de forma a ser mais eficaz. 

MOOC – São aulas online de acesso livre (Massive Open Online Courses), ou seja, cursos em que se pode inscrever de forma gratuita e frequentar. Muitas vezes são aulas que pode ir fazendo ao seu próprio ritmo, e podem envolver assistir a vídeos, ler textos, fazer trabalhos e responder a testes. No final, para ter um certificado, poderá ter de pagar um valor associado à emissão desse documento (mas se o seu foco for mesmo a aprendizagem, não se deixe demover por esse constrangimento se não quiser pagar – frequente na mesma!). 

Apesar de serem cursos gratuitos são, em grande parte, de muito boa qualidade – muitos são da responsabilidade de boas universidades de todo o mundo (ex., Harvard, Oxford, Cambridge), ou de empresas bastante conceituadas (ex., Microsoft, IBM, Google). Existem cursos quase sobre tudo e em vários idiomas. Procure por aqueles que dêem resposta ao que gostaria de saber e que se adequam àquilo que já sabe.Pode ainda aproveitar para colocar leituras em dia (a ler também se aprende muito), e fazer assim algum estudo autónomo. Existem ainda um conjunto de acções formativas à distância (e-learning) em que pode ponderar investir.

Links Úteis (sites com cursos, Livros online e outros recursos)

MOOC (cursos online gratuitos)

Livros e Leituras Online (Ebooks, textos e livros gratuitos)